Campo Grande-MS
terça-feira, 23/07/2024
Segurança das pessoas em situação de rua foi tema de audiência pública na Câmara Municipal

16.05.2023 · 6:51 · Vereadora Luiza Ribeiro

Clique na imagem para ver a galeria completa

A vereadora Luiza Ribeiro (PT) por meio da Comissão Permanente de Política e Direitos das Mulheres, de Cidadania e Direitos Humanos realizou na tarde desta segunda-feira (15) Audiência Pública para discutir sobre a segurança das pessoas em situação de rua em Campo Grande.

A audiência pública contou com a participação de diversas autoridades e representantes de conselhos municipais e da sociedade, líder religioso, instituições assistenciais e moradores de rua.

Os representantes dos moradores de rua que fizeram o uso da palavra reclamaram da violência praticada pelos agentes municipais, guardas da Guarda Civil Metropolitana e policiais militares. Reivindicaram também a abertura de diálogo para a construção de políticas públicas que respeitem essa parcela da sociedade e busquem alternativas para modificar essa situação.

“Não tem espaço para moradores de rua nas unidades de acolhimento em Campo Grande. O Centro POP não comporta a quantidade de usuários que frequentam diariamente e não abre durante o fim de semana. Para ser acolhido nas unidades de acolhimento é preciso ter um encaminhamento do Centro POP, que não funciona aos finais de semana. Eu creio que os senhores comem e sentem frio durante o fim de semana”, indagou o morador de rua Flávio Araújo.

A audiência foi finalizada com os encaminhamentos que vão levar mais segurança e dignidade para as pessoas em situação de rua. “Iniciamos com uma solicitação de questão orçamentária, ampliação de mais uma equipe de consultório na rua e estruturação melhor do consultório, mais um atendimento, unidade de Caps, um lugar maior, a criação de um centro de atendimento as pessoas em situação de rua, formação do comitê municipal que está previsto no plano nacional de defesa, um grupo de estudo etnográfico para trazer dados reais sobre essas pessoas, um censo, também a necessidade de articular recursos orçamentários do município para trazer politicas publicas voltadas a essas pessoas, articular participação dessas pessoas dentro das audiências, manter serviços abertos que acolhem eles nos finais de semana, investimento e ampliação nos locais que recebem as pessoas em situação de rua, que as pessoas transexuais sejam abrigadas em abrigos e não nos pátios em que se encontram e por fim o aumento de vagas nas comunidades terapêuticas”, disse a vereadora Luiza Ribeiro.

Também foram anunciadas as tratativas para a criação de um centro de atendimento das pessoas em situação de rua, no âmbito da política de saúde pública de redução de danos, que já foram estabelecidas com a equipe da Secretária Municipal de Saúde e com o Governo de Mato Grosso do Sul. O centro será no prédio da Av. Calógeras ao lado da Casa do Artesão e receberá recursos de emenda parlamentar da deputada federal Camila Jara (PT).

E por fim, ficou determinada a realização de uma nova audiência pública com um maior número de participação de pessoas em situação de rua.

Assessoria de Imprensa da Vereadora

  • Campo Grande, 150 anos de História