terça-feira, 28/05/2024
Deputado anuncia retomada da Frente Parlamentar do Leite na ALEMS

Nesta manhã (29), durante a sessão plenária da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS), o deputado estadual Renato Câmara abordou na tribuna as reivindicações dos produtores e indústria do leite, no Estado. “Estou retomando a Frente Parlamentar do Leite, e peço o apoio de vocês para que possamos juntos defender essa atividade, lutando por mais incentivo e apoio para que essa atividade possa crescer e desenvolver como as outras atividades agropecuárias, porque assim quem ganha é Mato Grosso do Sul”, garantiu.

O deputado enumerou programas que trouxeram incentivos e melhorias à criação de aves e suínos no Estado. “É necessário um estímulo do Governo. Um empurrão para que o setor possa recuperar sua força, precisamos de incentivos públicos, como tem acontecido na suinocultura, uma das áreas que mais cresce em Mato Grosso do Sul. Outro exemplo é o Programa Proaves, que trata do grão a logística para poder ter uma ave de qualidade. Não podemos deixar para trás que no dia-a-dia é o leite que pinga a renda mensalmente no seu bolso do produtor e paga as contas das primeiras necessidades”, reiterou Renato Câmara.

“Estamos fazendo várias pontuações e reivindicações ao governador Eduardo Riedel [PSDB], porque Mato Grosso do Sul tem um enorme potencial com a produção de leite. Enquanto o Brasil cresce a um ritmo de 28%, estamos crescendo negativamente, e não é só o problema da carga tributária. Precisamos de fiscalização e logística. A muçarela é o carro chefe, e as vezes é proveniente dos países fronteiriços e dos estados produtores que fazem divisa, sendo vendidas mais baratas que a produzida aqui”, destacou Renato Câmara sobre reunião com os representantes do Sindicato das Indústrias de Laticínio do Estado de Mato Grosso do Sul (Silems).