terça-feira, 20/02/2024

Aprovado em 1ª votação projeto de Lucas de Lima que institui o “Julho Âmbar”

Aprovado em 1ª votação projeto de Lucas de Lima que institui o “Julho Âmbar”

Foi aprovado, por unanimidade, em 1ª votação na manhã desta quinta-feira (31), o Projeto de Lei 53/2023 de autoria do deputado Lucas de Lima (PDT), que institui o Mês Julho Âmbar, como mês de conscientização do luto parental, com realização de ações como divulgação de informações e orientações e atividades de acolhimento em Mato Grosso do Sul.

A campanha do “Junho Âmbar” visa fomentar o diálogo sobre o luto parental, rompendo estereótipos e preconceitos; propor políticas públicas relacionadas ao tema; oferecer suporte, apoio e orientação, facilitando a troca de experiências, validação e apoio mútuo entre as famílias enlutadas; capacitar profissionais da saúde e educadores; entre outras finalidades.

“O luto parental é uma situação que afeta muitas famílias em todo o mundo. A perda de um filho é uma das dores mais profundas que uma pessoa pode experimentar, e muitas vezes as famílias não recebem o apoio e o acolhimento necessários para lidar com essa situação”, afirma Lucas de Lima na justificativa da proposição.

“No Brasil, houve a aprovação da lei nº 15.313 em 2019 que instituiu a Semana Estadual de Conscientização sobre a Causa do Luto Parental no estado do Rio Grande do Sul, sendo este o primeiro estado do país a dedicar uma semana inteira para abordar o luto decorrente da perda de um filho. Ou seja, houve o impulsionamento e o início da conscientização acerca da importância de oferecer suporte adequado às famílias enlutadas”, destacou o parlamentar.

“O intuito deste projeto é sensibilizar a sociedade sobre o luto, promovendo a troca de informações e a reflexão quanto às diversas formas de apoiar famílias enlutadas. Com isso, essa proposta busca promover a solidariedade e a empatia na vida das famílias que passaram pelo luto parental”, finalizou o deputado.