segunda-feira, 4/03/2024

DIÁRIO DA HISTÓRIA! 6 de fevereiro de 1889: governador cogita mudança da capital de Cuiabá para Corumbá

Pesquisa do jornalista Sergio Cruz, do IHGMS

Toma posse como penúltimo governador de Mato Grosso nomeado pela Coroa, o pernambucano Antonio Herculano de Souza Bandeira. No governo apenas cinco meses e dezoito dias, “o dr. Souza Bandeira não desmereceu do conceito que acompanhava o seu nome. Delegado de um ministério conservador, procurou quanto possível dar tréguas ao partidarismo local, acercando-se mesmo de adversários políticos da situação. Remodelou o ensino público, dando-lhe melhores normas, ampliando os estabelecimentos existentes e criando outros. Visitava com frequência as escolas da capital, prestigiando o professorado e atendendo as necessidades do ensino”. 

Mas, o que mais marcou a efêmera passagem de Souza Bandeira pelo governo matogrossense foram os rumores de que ele proporia a mudança da capital da província, de Cuiabá para Corumbá. Esta cogitação, não desmentida, provocou a ira da população da capital, manifestada através dos jornais locais. Uma resistência em tom incisivo e irônico:

FONTE: Estêvão de Mendonça, Datas matogrossenses, (2a. edição) Governo de Mato Grosso, Cuiabá, 1973; e A Gazeta, Cuiabá, 6 de junho de 1889.