sábado, 13/04/2024
Mato Grosso do Sul representa secretários de Educação em reunião com MEC sobre Novo Ensino Médio

Representando as secretarias de Estado de Educação de todo o Brasil, o secretário Hélio Daher, de Mato Grosso do Sul, participou na terça-feira (14) de um diálogo – via internet – com a equipe do MEC (Ministério da Educação) com foco no andamento da implantação do Novo Ensino Médio em todo o País. 

Ao lado do presidente do Consed (Conselho Nacional dos Secretários de Educação) e secretário de Educação do Espírito Santo, Victor de Ângelo, e do secretário de Educação do Pará, Rossieli Soares, o titular da pasta em MS – que é um dos vice-presidentes do Consed – conversou com a equipe do MEC, liderada pela secretária de Educação Básica, Izolda Cela.

“A pauta foi identificar a melhor maneira de construir um diálogo, trabalhar a evolução desse Novo Ensino Médio, corrigir o que não vem dando certo nesse processo. E criar um instrumento de escuta que, de fato, faça valer a opinião de todos os diretamente envolvidos nesse processo para que a gente possa melhorar ainda mais o Ensino Médio para a juventude brasileira”, afirmou o secretário de Estado de Educação de MS, Hélio Daher.

Também participaram da conversa o presidente do CNE (Conselho Nacional de Educação), Luiz Roberto Liza Curi e o presidente do Foncede (Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais e Distrital de Educação), Ricardo Tonassi Souto (CEE/RJ).

Durante agenda em Paranaíba, nesta terça-feira, secretário participou de conversa remota com o MEC.

“É um momento importante. Precisamos manter o diálogo e considerar como estão os contextos nos Estados. Temos desafios pela frente e muitos já foram superados nestes primeiros anos de implantação”, disse o secretário Hélio Daher.

Com quase duas horas de duração, a conversa foi pautada pela reflexão e sobre a importância da abertura para a discussão de possíveis mudanças na sequência de implantação do modelo colocado em prática desde o ano passado. Em Mato Grosso do Sul, as unidades escolares já trabalham com o atual formato desde 2021, com a implantação total executada desde o início de 2022.

“O Consed se posicionou junto ao MEC no sentido da necessidade do diálogo com os estados, uma vez que nós estamos implementando a reforma. O foco da conversa foi em melhorar o processo de implantação, estabelecendo novas ferramentas de acompanhamento e de escuta com a sociedade em geral, coletando aquilo que não esteja dando certo e agregando boas práticas. De modo geral, ouvimos deles que será realizada uma discussão mais profunda sobre a questão”, completou Hélio.

Novo encontro

Nesta quinta-feira, dia 16 de março, em Brasília (DF), os secretários de Educação de todo o País voltam a se encontrar para uma nova conversa com o MEC. De forma presencial, desta vez a pauta será mais abrangente e fará parte da agenda formulada pelo Conselho Nacional dos Secretários de Educação.

Vinícius Espíndola, SED