segunda-feira, 26/02/2024

Instalação de usina vai acelerar pavimentação e tapa-buracos em Campo Grande

Instalação de usina vai acelerar pavimentação e tapa-buracos em Campo Grande

Campo Grande, 24/05/2023 às 18:37

Em reunião realizada nesta quarta-feira (24), o Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável da Região Central de Mato Grosso do Sul – Central MS, presidido pela prefeita da Capital, Adriane Lopes, concluiu as definições para a assinatura do Contrato de Programa para a aquisição e pagamento de uma usina móvel de pavimentação asfáltica e uma pá carregadeira, para atender os municípios que compõem o bloco formado por Campo Grande, Sidrolândia, Jaraguari, Terenos e Dois Irmãos do Buriti.

A usina móvel de pavimentação asfáltica, com capacidade mínima de processamento de 60 a 80 toneladas/hora, será adquirida com o objetivo de acelerar e reduzir custos dos serviços de pavimentação das cidades. O projeto terá investimento de R$ 5 milhões para a aquisição desses maquinários. Baseado em critérios técnicos, tendo como base a proporção da Receita Corrente Líquida dos municípios, Campo Grande vai destinar R$ 4 milhões, quantia correspondente a 80% do montante; Sidrolândia vai custear R$ 494,1 mil; Terenos, R$ 224,1 mil; Dois Irmãos do Buriti, R$ 156,6 mil e Jaraguari fará o investimento de R$125,2 mil.

O material utilizado e fabricado pela usina é de extrema qualidade e vai garantir agilidade no serviço de asfalto ou tapa-buraco. A instalação da usina garante a autonomia nos serviços que podem acontecer durante todos os dias e turnos.

“É um momento muito importante para a Capital e para os demais municípios que fazem parte do consórcio. Temos avançado nas tratativas, em busca de respostas rápidas e objetivas. A aquisição desses equipamentos é exemplo disso. Ter essa tecnologia à nossa disposição vai nos oportunizar maior agilidade nas entregas a custos menores para a população e para a gestão pública”, salientou a presidente do Consórcio Central MS e prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes.

Por meio de Emenda Parlamentar, a Senadora Tereza Cristina destinou mais R$ 1,4 milhão para a compra de uma vibroacabadora, máquina responsável por espalhar e nivelar o asfalto durante o processo de pavimentação. Tendo em vista que o custo de um equipamento dessa natureza, com capacidade de trabalho compatível com as demandas da usina, custa em torno de R$ 1,8 milhão, será discutida a possibilidade de complementar o valor disponibilizado pela Senadora, com a sobra das primeiras aquisições.

“Pauta muito positiva para todos nós. Estamos certos de que a união de esforços renderá muito frutos, impulsionando o desenvolvimento e beneficiando a todos”, ressaltou Wlademir de Souza Volk, prefeito de Dois Irmãos do Buriti.

O Município de Campo Grande vai ceder a área onde será instalada a usina. Uma nova reunião será agendada para o início de junho, quando será feita a assinatura do Contrato de Programa, documento que permite aos municípios realizarem o empenho da verba necessária e, posteriormente, a publicação do edital de licitação. Todo o processo, até a entrega dos equipamentos, deve levar cerca de quatro meses.

Sobre a Central MS

O Consórcio funciona com administração própria e autonomia. O objetivo é garantir para a população das cidades integrantes, mais agilidade na execução dos serviços públicos e na aquisição de bens que promovam geração de oportunidades, riquezas renda, empregos e desenvolvimento territorial sustentável.

O modelo traz uma série de vantagens que podem ser revertidas para o cidadão, já que, com o grupo, é possível resolver problemas relacionados às mais variadas áreas, desde resíduos sólidos, recapeamento, até estradas vicinais. A gestão associada e cooperada tem a premissa de buscar soluções em conjunto, podendo, cada município, propor e executar medidas locais e regionais para promover o desenvolvimento. A busca por parcerias, convênios e contratos nas diversas instâncias públicas e privadas, governamentais e não-governamentais, nacionais ou internacionais, também serão estimuladas nesse formato.