segunda-feira, 26/02/2024

Grupamentos da Polícia Penal recebem novos veículos para transporte de presos e ações operacionais

Grupamentos da Polícia Penal recebem novos veículos para transporte de presos e ações operacionais

Duas caminhonetes-celas foram entregues ao Cope (Comando de Operações Penitenciárias) e ao GEP (Grupamento de Escolta Penitenciária) pela direção da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), na manhã desta terça-feira (28).

Os veículos são do modelo Ford Ranger Flash e, além do compartimento para transporte de presos, estão adaptadas com sistema de videomonitoramento e espaço para comportar equipamentos operacionais.

Coelho destacou o espaço específico para colocar equipamentos.

As duas novas viaturas representam um investimento de R$ 560 mil e foram cedidas pelo Governo Federal, com aquisição realizada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio da Senappen (Secretaria Nacional de Políticas Penais).

Modernas e com trafegabilidade em diversos tipos de terreno, as caminhonetes se somam à frota utilizada pela Polícia Penal de Mato Grosso do Sul e representam um importante reforço na segurança dos serviços prestados, segundo o diretor-presidente da Agepen, Rodrigo Rossi Maiorchini.

“Recebemos anteriormente 20 caminhonetes adquiridas pelo Governo do Estado que já estão em uso pela Polícia Penal e, além dessas duas entregues hoje aos grupamentos, iremos receber mais oito caminhonetes-celas da Senappen, então é uma soma que a gente vem trabalhando para conquistar, é uma forma de reforçarmos e aprimorarmos ainda mais nossos trabalhos”, destacou o dirigente.

Para o comandante do COPE, Fabiano Coelho, as viaturas são modernas e equipadas de forma a possibilitar tanto o uso para a escolta de detentos, como nos deslocamentos de ações de intervenção.

“Possui espaço onde podemos colocar nossos equipamentos e isso facilita bastante, então serão de extrema importância na rotina do dia a dia de trabalho”, afirmou.

Queiroz frisou a melhor adaptação das viaturas para facilitar o transporte de presos.

Com melhor acessibilidade para embarque dos custodiados no compartimento-cela, a viatura será utilizada especialmente nas escoltas para atendimento médico, realizadas pelo Grupamento de Escolta Penitenciária de Campo Grande, de acordo com o comandante do GEP-CG, Silvânio Queiroz.

“Temos dificuldade com internos que possuem limitações físicas de locomoção, no acesso ao compartimento-cela, e estas viaturas são melhor adaptadas para isso”, comentou Queiroz, reforçando também a possibilidade de acompanhamento em tempo real, por meio do sistema de vídeo.

Além das caminhonetes-celas, a Polícia Penal de Mato Grosso do Sul dispõe de furgões e ônibus adaptados para o transporte de presos, utilizados em deslocamentos como audiências judiciais, atendimentos de saúde, transferências locais e intermunicipais, entre outras situações.

Keila Oliveira, Comunicação Agepen
Fotos: Tatyane Santinoni/Agepen