segunda-feira, 22/04/2024
Funsat realiza 14 atendimentos por hora e bate recorde de vagas oferecidas em março

Campo Grande, 01/04/2023 às 13:00

A Funsat (Fundação Social do Trabalho), encerrou o primeiro trimestre de 2023, batendo o recorde de divulgação de vagas diárias de emprego, com atendimento médio de 14 pessoas por hora, além de crescimento considerável dos encaminhamentos para contratações e base, para futuros avanços na Escola de Educação Profissionalizante do órgão.

Só neste mês, a Fundação atingiu o maior número de atendimentos do ano, 3.412 ao todo, além de intensificar as ações itinerantes do órgão, em parcerias com empresas e instituições. “A credibilidade nos fez atingir em uma quinta-feira a oferta de 2.193 vagas de trabalho, sendo 70% para chance em primeiro emprego, ou encaminhamento sem exigência de experiência profissional ao candidato. Um cenário que é fruto de um bom trabalho de intermediação, no perfil de cada uma das seleções, e na aproximação com o mercado. Nunca a Funsat teve tanto respeito dos empresários”, destaca o diretor-presidente da pasta, Paulo Silva.

“Com certeza, um mês especial e muito movimentado no nosso trabalho. De média, tivemos 14 atendimentos por hora, resultado de uma procura maior do público pela Funsat e também de reconhecimento à nossa forma de receber as pessoas que nos procuram”, completou a gerente da Agência, Hilda Oliveira, idealizadora de uma nova metodologia de abordagem na recepção de trabalhadores que procuram o órgão na Rua 14 de Julho, 992, na Vila Glória.

Um sistema de trabalho de sucesso que tem nome, e conta com uma filosofia mais propositiva quanto ao acolhimento, denominado de “Braços Abertos”.

Em março, com os programas “Funsat em Ação” e “Funsat Atende”, voltados para ações itinerantes de atendimentos, a pasta registrou 14 diligências. Deslocamentos com estruturas de servidores que levaram a outros pontos de Campo Grande, os serviços de informações sobre vagas, suporte de empregabilidade à pessoa com deficiência, emissão de carteira de trabalho digital e orientações sobre o trabalho da fundação na Escola Educação Profissionalizante.

“O nosso valor para o campo-grandense está atrelado ao nível de excelência que possamos alcançar. Todos os dias, em cada serviço que formos oferecer, onde for e para quem for, sempre darmos o nosso melhor para que o atendimento ajude à pessoa em perspectiva”, explica o diretor-adjunto da Funsat, João Henrique Lima Bezerra, que já foi antes, servidor da pasta com passagens na Escola Educação Profissionalizante, no departamento de Serviço Social e também na Agência de Empregos.

Na qualificação, a Funsat desenvolveu pelo segundo mês, o inédito ciclo de capacitação para beneficiários do Proinc (Programa Assistencial de Inclusão Profissional) a respeito do conteúdo da Lei Municipal nº 6.923, e aconselhamento sobre postura em ambiente de trabalho.  Nas salas de aula da capacitação do órgão, treinamentos com cursos para “Higiene na Manipulação de Alimentos”, Técnica de Vendas e Atendimento” e de Garçom, realizados em março.