segunda-feira, 22/04/2024
Funesp reúne comunidades indígenas para tratar sobre a 16ª Edição dos Jogos Urbanos

Campo Grande, 01/03/2023 às 11:04

Lideranças de comunidades indígenas de Campo Grande, estiveram reunidas com técnicos da Fundação Municipal de Esportes (Funesp), para tratar sobre a realização da 16ª Edição dos Jogos Urbanos Indígenas 2023, que acontece no dia 16 de abril este ano. Promovido pela Prefeitura de Campo Grande, os Jogos Urbanos Indígenas têm como objetivo desenvolver o intercâmbio esportivo entre as comunidades indígenas, valorizando o caráter educativo e comunitário e promover o esporte como resultado das atividades desenvolvidas nas aldeias.

“Todos os anos promovemos esse evento que já entrou para o calendário de atividades oficiais de Campo Grande. Os jogos levam o congraçamento entre as comunidades indígenas e fundamenta a valorização dos povos indígenas e originários com sua própria cultura, interação entre as comunidades e valorização de suas histórias”, explanou Odair Serrano, diretor-presidente da Funesp.

Em reunião, os técnicos da Fundação discutiram sobre o regulamento dos jogos e os ajustes para realização do evento. A organização dos jogos está sendo organizada pela Fundação Municipal de Esportes por meio da Gerência de Organização de Eventos (GOE) da Fundação de Esporte e em parceria com a Subsecretaria de Defesa dos Direitos Humanos (SDHU).

“A expectativa para os jogos são as melhores. Na última edição o número de atletas dobrou com relação a edição de 2021: passou de 500 para 1.100 atletas. E agora, com a entrada da ministra Guajajara no Governo Federal e a possibilidade de sua visita aqui em Campo Grande, poderá abrilhantar mais o evento. Vamos nos empenhar para ter o sucesso absoluto nos jogo”, apontou Amadeu Borges, subsecretário de Defesa dos Direitos Humanos de Campo Grande.

O cacique da comunidade Kadwéu, Adewaldo Vergilio Pires, que participou da edição anterior, deu uma prévia sobre a participação de sua comunidade na edição 2023. “Vamos fazer uma apresentação da nossa dança cultural, queima da tocha e queremos participar de todas as modalidades. A equipe na edição anterior foi campeã no futebol de campo masculino”, lembrou.

Os jogos terão a participação de mais de 20 comunidades. Em Campo Grande existem 22 comunidades indígenas: Kadwéu, Água Bonita, Darci Ribeiro, Parawá, Marçal de Souza, Estrela do Amanhã, Novo Dia, Água Funda, Peyo, Kaxe, Jardim Inapólis, Tarsila do Amaral, Vivendas Parque, Arnaldo Estevão de Figueiredo, Nova Canaã, Portal Caiobá, Indubrasil, Ceramista, Inamati, Koxonety, Jardim Aero Rancho, Bordon, Roda Velha, Novo Dia e Planalto.

Durante os jogos no mês de março, serão disputadas as modalidades de Arco e Flecha Masculino, Lança Masculino, Atletismo, Corrida Masculino e Feminino, Cabo de Guerra Masculino e Feminino, Futebol Society Masculino, Futsal Feminino e Voleibol 4×4 Masculino e Feminino.

Somente poderão participar indígenas de comunidades de Campo Grande, sendo proibida participações de atletas de outros municípios. Cada atleta poderá participar do Cabo de Guerra, de uma modalidade individual e uma coletiva.

Nas modalidades de Futebol de Campo, Futsal, Cabo de Guerra, Arco e Flecha, Atletismo e Voleibol, somente podem participar atletas com idade acima de 15 anos.

As inscrições para os Jogos Indígenas poderão ser feitas a partir do dia 06 até o dia 22 de março. Para mais informações sobre os jogos, o interessado pode acompanhar o site da própria fundação, por meio do endereço eletrônico: www.campogrande.ms.gov.br/funesp.