terça-feira, 27/02/2024

Dia do feirante: com apoio da Agraer horticultora comercializa produtos em feira e garante renda familiar

Dia do feirante: com apoio da Agraer horticultora comercializa produtos em feira e garante renda familiar

Com apoio da Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural), a horticultora Vanessa Rodrigues da Silva, 34 anos, garante renda e o sustento da família. A produção domiciliar – no quintal da própria casa onde vive com o marido e os cinco filhos – é comercializada na feira do Bairro Nova Jerusalém, região das Moreninhas, em Campo Grande.

O escritório da Agraer em Campo Grande acompanha a rotina da produtora, que recebe doação de sementes e orientações técnicas. A feirante produz e comercializa, em média, 200 pés de alface, 100 pés de couve, 70 maços de cebolinha, cheiro verde e rúcula, além de 25 de coentro por semana na feira livre das Moreninhas – realizada toda quinta-feira e domingo. A área para plantio é de um hectare com 60 canteiros de horta plantados, e com o trabalho na feira ela já conseguiu adquirir um microtrator motocultivador para gradear o local.

“Eu cresci e convivi com os meus pais dentro da horta, meu pai sempre mexeu com isso”, disse Vanessa. Assim como ela aprendeu as técnicas dentro de casa, hoje repassa aos filhos as informações ao mesmo tempo que incentiva todos a continuarem estudando para uma futura formação universitária. “Eu tenho cinco filhos e meu sonho é ver todos formados e com um serviço bom. Eu peço a Deus que eles tenham um futuro, que façam faculdade e se formem”.

Vanusa Rodrigues, mãe de Vanessa, afirma que toda a família é envolvida com a horticultura para a venda nas feiras. Eles iniciaram o trabalho em Cuiabá (MT) e depois se mudaram para a Capital, onde os outros quatro filhos deram continuidade ao ofício iniciado no contraturno, após às aulas. “Hoje eu tenho orgulho de todos meus filhos porque são trabalhadores e pouca gente quer enfrentar esse ramo, eu me sinto orgulhosa deles”, afirmou Vanusa.

Em Campo Grande, 76 feirantes realizam a produção própria e a venda de hortícolas em diversas feiras livres, de acordo com dados da Sidagro (Secretaria Municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio).

Clique no vídeo e conheça a história da feirante Vanessa Rodrigues.

Fládima Christofari, Agraer