terça-feira, 28/05/2024
De doses para bebês à bivalente, vacinação contra Covid tem públicos ampliados

Campo Grande, 03/04/2023 às 09:38

A partir desta segunda-feira (03) a vacina bivalente será aplicada também em novos públicos, e as demais doses, que também protegem contra a Covid-19, estão disponíveis para toda a população. Agora também poderão receber o imunizante que protege contra a cepa original e as variantes do coronavírus pessoas com comorbidades e que que tenham 12 anos ou mais, grávidas e as puérperas que deram à luz há até 45 dias. 

Com a liberação do Ministério da Saúde, válida a partir deste final de semana, a Prefeitura de Campo Grande já iniciou a aplicação das doses nestes novos públicos. “Temos que reforçar a vacinação em todo o qualquer indivíduo que está mais vulnerável ou exposto ao vírus, uma vez que essa é a forma mais eficaz de se evitar quadros graves da doença”, explica a superintendente de vigilância em saúde, Veruska Lahdo. 

Além destes públicos, a bivalente está disponível também para trabalhadores da saúde, população com 60 anos ou mais, indígenas aldeados e quilombolas a partir dos 12 anos de idade, para isso é necessário o esquema vacinal completo e a última dose ter sido aplicada há pelo menos quatro meses. 

O reforço também está disponível para quem finalizou o esquema primário e tem pelo menos 12 anos de idade. E quem tem 18 anos ou mais e completou o mesmo período após receber o primeiro reforço, já está apto para o segundo. 

Crianças a partir de seis meses se enquadram para iniciar o esquema vacinal. Aquelas iniciaram o esquema com a Pfizer baby devem receber a segunda dose após um intervalo de quatro semanas e a terceira após oito semanas da dose anterior.