sexta-feira, 24/05/2024
Capacitação na assistência social traz benefícios para população, avaliam servidoras

Com turmas já em andamento, a capacitação oferecida pelo Governo do Estado na área da assistência social, contempla mais de 80 servidores de gestões municipais apenas nesta semana. Realizada na Escola do SUAS/MS “Mariluce Bittar”, ligada à Sead (Secretaria de Estado de Assistência Social e dos Direitos Humanos), os cursos tiveram início na última segunda-feira (27) e devem contemplar mais de 1,9 profissionais neste ano.

Paula Ruiz participa da capacitação

Paula Ruiz, psicóloga da Gerência Municipal de Assistência Social, do município de Sonora, é uma das participantes dos cursos e reforça a importância da oportunidade de capacitação.

“Muito importante. É minha primeira vez aqui na Escola do SUAS em capacitação. O nosso município tem interesse em capacitações como essa, pois no caso queremos implantar um fluxo normativo da escuta especializada. Temos o interesse de aprimorar as questões dos conhecimentos e das habilidades para que o serviço funcione de forma correta em nosso município. Estou muito feliz com essa oportunidade e pretendo vir mais vezes”, destacou, reforçando ainda que teve amplo apoio do município para vir para a capacitação.

Do município de Selvíria, Aline Pereira é técnica da gestão municipal e participa do curso envolvendo questões sobre as secretarias executivas.

Aline Pereira também participa da capacitação

“É uma excelente oportunidade de capacitação com novos conhecimentos envolvendo essas questões da secretaria executiva. Vai ajudar muito no dia a dia nosso. O município apoiou bastante nossa vinda nessa oportunidade oferecida pelo Governo do Estado e tenho certeza que o que aprendermos aqui será colocado em prática beneficiando a nossa população”, disse.

Os cursos são voltados para trabalhadores ligados à gestão municipal das 79 cidades de Mato Grosso do Sul. São 15 opções ao todo, como por exemplo, na modalidade a distância, ‘Trabalho Social com Famílias’, ‘Educação com Direitos Humanos e Conselho Tutelar’, e ‘Atendimento ao Público ao SUAS (Sistema Único de Assistência Social)’. Já a modalidade presencial tem ofertas como o ‘Vigilância Socioassistencial: Territórios de Vida e Vividos’, ‘Supervisão Técnica no SUAS/Educação Permanente’ e ‘Secretaria Executiva dos Conselhos Municipais de Assistência Social’.

Os cursos presencias têm as vagas voltadas e divididas por municípios. Os oferecidos a distância são de livre demanda e devem começar no mês de maio. Todos são ofertados gratuitamente. Ainda fruto de parceria com a UEMS, uma pós-graduação lato sensu “Gestão do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) com Ênfase em Vigilância Socioassistencial e Supervisão Técnica” está em andamento, atendendo trabalhadores efetivos nas esferas municipais e estadual do SUAS em MS.

Leomar Alves Rosa, Sead
Fotos: Monique Alves