segunda-feira, 26/02/2024

Campo Grande recebe Prefeitura de Dourados para troca de experiências sobre Plano Diretor

Campo Grande recebe Prefeitura de Dourados para troca de experiências sobre Plano Diretor

Campo Grande, 12/07/2023 às 18:22

A Prefeitura de Campo Grande, por intermédio da Agência Municipal de Meio Ambiente e Planejamento Urbano (Planurb) recebeu nessa terça-feira (11) uma equipe da Prefeitura de Dourados para troca de experiências sobre Planejamento Urbano Ambiental.

O encontro aconteceu na sede da agência e as profissionais de Dourados puderam aprofundar os conhecimentos sobre o Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano Ambiental de Campo Grande (PDDUA), tido como referência de instrumento de planejamento.

Com o objetivo de conhecer os principais pontos do Plano Diretor de Campo Grande, para auxiliar na revisão do Plano Diretor de Dourados, a aproximação aconteceu no IV Encontro da Rede Brasileira de Institutos de Planejamento (InRede), realizado na Capital nos dias 26 e 27 de abril de 2023.

Segundo as profissionais da Secretaria Municipal de Planejamento (Seplan) de Dourados o encontro foi importante devido ao conhecimento compartilhado, aos esclarecimentos prestados e a vasta experiência na gestão de plano diretor de Campo Grande.

“Ficamos encantados com a dimensão técnica da Agência, referência para o estado e país. Conseguem um amplo diálogo e interação com a comunidade, por meio dos Conselhos Regionais e do Conselho Municipal da Cidade (CMDU), proporcionando aos munícipes a certeza de um planejamento urbano e ambiental bem estruturado”, pontua a coordenadora da revisão do plano diretor de Dourados, a arquiteta e urbanista, Ana Luiza de Ávila Lima.

PLANO DIRETOR

O Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano Ambiental de Campo Grande (PDDUA) é considerado referência de instrumento de planejamento, pois contém mecanismos inovadores, que têm como princípios a garantia do direito a uma cidade sustentável; a gestão democrática; a cooperação entre os governos, a iniciativa privada e os demais setores da sociedade no processo de urbanização, em atendimento ao interesse social e; o planejamento do desenvolvimento da cidade.

Além disso, já foi reconhecido nacionalmente, como quando o Município de Campo Grande foi selecionado para integrar o 3º Guia IAB para Agenda 2030 com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), estabelecidos como uma das diretrizes prioritárias para ação do Município, por meio do PDDUA.

Elaborado pelo Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), por meio do Grupo de Trabalho da Agenda 2030, o Guia IAB para Agenda 2030 foi desenvolvido a partir do lançamento da publicação de projetos arquitetônicos de todo o mundo relacionados com a Agenda 2030 pela União Internacional dos Arquitetos (UIA).

INREDE

A Rede Brasileira de Institutos de Planejamento surgiu do anseio de construir uma rede colaborativa entre departamentos de planejamento, com a missão de enfrentar os desafios das cidades e torná-las mais inclusivas e resilientes.

Seu objetivo é fortalecer a cultura de planejamento nos municípios brasileiros e fomentar o diálogo entre Institutos, promovendo a troca de conhecimentos, cooperação e intercâmbio entre equipes gestoras e técnicas.

A iniciativa permite o crescimento conjunto, com um olhar integrador, interdisciplinar, com continuidade no planejamento e conectado com as pessoas e com a cidade. Conta com o apoio do Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos (ONU-Habitat) e da Agência Alemã de Cooperação Internacional (GIZ).

O Município de Campo Grande foi selecionado para sediar o IV Encontro da Rede Brasileira de Institutos de Planejamento durante o encontro que aconteceu no Rio de Janeiro – RJ (18 de novembro de 2022).

*Com informações do IAB