sexta-feira, 24/05/2024
Em novo mutirão da CNH Social, 390 passam por avaliação psicológica neste sábado

Os 176 contemplados, do interior de Mato Grosso do Sul, pelo programa CNH MS Social têm prazo até sexta-feira (17) para iniciar o processo para obter a habilitação. A segunda e última chamada com a convocação dos beneficiados foi pulicada no Diário Oficial do Estado na terça-feira (7).

O CNH MS Social tem investimento de R$ 16 milhões do Governo do Estado e vai beneficiar 5 mil pessoas em situação de vulnerabilidade com acesso gratuito à primeira habilitação, nas categorias A, B e AB, em todo Mato Grosso do Sul.

Um dos editais convoca 94 candidatos que não compareceram na 1ª chamada para início do processo nos municípios de Aparecida do Taboado, Cassilândia, Chapadão do Sul, Costa Rica, Paraíso das Águas e Paranaíba. Também em segunda chamada, o outro edital lista 82 candidatos dos municípios de Aquidauana, Anastácio, Bodoquena, Dois Irmãos do Buriti e Miranda.

O candidato precisa comparecer na agência do Detran (Departamento Estadual de Trânsito) do município para o qual foi convocado, conforme data e horário estipulado nas tabelas anexas à publicação, com original e cópia de documento oficial com foto.

Logo após a abertura do Registro Nacional de Carteira de Habilitação e captura da imagem, será agendada a avaliação psicológica. A coordenação do CNH MS Social reforça que é fundamental que os candidatos leiam o edital com atenção e compareçam para dar andamento ao processo. Os candidatos que não comparecerem estarão desclassificados.

Mireli Obando,  colaborou Natalia Yahn
Foto: Rachid Waqued